Notícias /

Redes sociais, quais os limites para não prejudicar a carreira?

Pode postar opiniões sobre assuntos polêmicos? Como o preconceito pode arruinar a reputação? Como usar as redes para alavancar a carreira? Veja orientações de especialistas em carreira e conteúdo digital.

 

Para especialistas, as redes funcionam cada dia mais como uma vitrine e, se o profissional age de forma desrespeitosa ou preconceituosa no ambiente virtual, dificilmente será diferente na vida real. Por isso, é preciso tomar cuidado para não manchar a imagem ou prejudicar a reputação

Para Ana Carolina Meirelles, estrategista e criadora de conteúdo audiovisual.  “O ideal é construir o argumento de forma educada e clara e escolher muito bem as palavras para que não gere diversas interpretações”.

Segundo Roberto Recinella, especialista em gestão do capital humano e neurocomportamento. “Não existe nas redes sociais diferença entre a vida pessoal e a profissional, por isso, a regra é não falar o que você não falaria para a pessoa pessoalmente. Mas a mídia social parece dar um anonimato e você acaba dando uma opinião que muitas vezes pode ser mal interpretada ou, quando colocada fora do contexto, acaba com a vida da pessoa ou da empresa”

A especialista e pesquisadora sobre tendências de carreira Sofia Esteves afirma que a postura revela muito sobre a personalidade da pessoa e a forma de julgamento que ela tem. “É importante viver num mundo onde a gente julgue menos e tente solucionar mais questões do que gerar conflito e dor de cabeça. Você pode falar do problema, mas muito mais numa questão reflexiva do que numa questão de julgamento”.

Segundo Ana Carolina, é possível criar uma imagem sobre as pessoas apenas observando as atitudes delas nas redes sociais. E, para qualquer recrutador, isso não é diferente. “O candidato pode ter todos os requisitos necessários para ocupar determinada vaga, mas se uma foto ou comentário em alguma rede social passa uma mensagem que vai na contramão dos valores que a empresa prega, esse profissional pode perder a chance”.

 

 

 

 

Voltar

Horário de atendimento

Segunda a Sexta das 8h30 as 18h

Agende uma Visita

Fique atento ao calendário tributário

Veja aqui